Pórtico da Exposição Farroupilha - 1935

Pórtico da Exposição Farroupilha - 1935
Minha foto
Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brazil

FOTO ADIVINHAÇÃO

FOTO ADIVINHAÇÃO

Hoje estamos postando uma nova "Foto Adivinhação" e dando o resultado da anterior.

A resposta correta era: A Rua Mostardeiro

A imagem que estamos postando hoje é de uma antiga praça de POA . Na imagem aparecem tres grandes prédios. Os dois que estão situados mais à direita existem até hoje e estão preservados na sua arquitetura original. O prédio da esquerda já desapareceu mas abrigava um tradicional cinema de Porto Alegre.


Que local é este? Vale citar as ruas, esquinas etc


Os acertadores receberão uma foto brinde, em alta definição e que poderá ser ampliada e enquadrada se assim desejarem.

Participe , voce pode tentar várias vezes até acertar

Mande sua resposta para:

ronaldomarcos.bastos@gmail.com

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Banco da Província - O Primeiro Banco do Rio Grande do Sul

 As Primeiras Agencias do Banco da Província em Porto Alegre
A primeira agencia bancária do estado do Rio Grande do Sul funcionou neste sobrado que se situava na esquina da Rua dos Andradas com a Marechal Floriano. Foi inaugurada em 01 de julho de 1858.
A fotografia foi tomada em 1875.
Fotografia tomada em 1885 no interior da 1ª agencia do Banco da Província em Porto Alegre.  
O Presidente da Província João Lins Vieira Cansanção de Sinimbu empenhou-se pessoalmente na organização inicial do Banco da Província. Governou a Província entre 02 de dezembro de 1852 e 01 de julho de 1855.
Neste prédio, (assinalado pela seta vermelha) que ficava situado na Rua dos Andradas em frente a Praça da Alfandega e ao lado do edifício denominado Palacete Chaves, se instalou a segunda agencia do Banco da Província em Porto Alegre. O edifício foi comprado pelo Banco em 1862. Em 1885 o Banco vendeu o edifício para o Coronel Manuel Py que, em 1913, ali instalou o Banco Comercial Franco-Brasileiro do qual foi fundador e diretor-presidente.
Fotografia de Hugo Freyler
 As duas fotografias acima mostram a terceira agencia do Banco da Província em Porto Alegre. O banco passou a operar neste endereço no dia 08 de março de 1885. O prédio ficava situado na esquina da Rua Sete de Setembro com a General Camara e a partir de 1916 foi ocupado pela primeira agencia do Banco do Brasil em Porto Alegre como mostra a fotografia abaixo.
Ambas as fotografias são de 1912.
 Fotografia de Hugo Freyler - 1916
Esta fotografia, tomada em 1900 mostra o interior da terceira agencia do Banco da Província na esquina da General Camara com a Sete de Setembro.

O Crescimento no Início do Século XX

Em 1910  o banco encomendou o projeto de um grande edifício para a sua sede. A empresa contratada foi a de Rudolf Ahrons e o projeto foi do arquiteto Theo Wiederspahn. A construção teve início em 1910 ficando concluído em 1913. 


 Fotografia de Hugo Freyler - 1916
Nesta fotografia o edifício já aparece concluído e o Banco já estava alí instalado. O belo prédio ficava situado na esquina da Rua Uruguai com a Sete de Setembro. Lamentavelmente este edifício foi demolido no final da década de 40 e no local foi construído um arranha céu para ser a nova sede do Banco.
Interior do expediente da agencia em 1920
Os caixas para depósitos de valores. Fotografia de 1920.
A entrada do cofre forte (Casa Forte) existente no subsolo da agencia.
A sala da diretoria em 1922
Frederico Dexheimer foi um dos diretores dos primeiros anos do Século XX.
                              A.R. Vasconcellos                                  Antonio Mostardeiro Filho    
Nas  fotografias acima aparecem dois dos diretores do Banco em 1922.

A Expansão Para o Interior do Estado

A Filial em Pelotas
 O edifício da Filial em Pelotas em fotografia do início do Século XX. Esta filial foi fundada em 16 de outubro de 1890 pelo Visconde Pinto da Rocha.
Aspecto do Interior da filial em Pelotas. Observa-se o requinte e bom gosto das instalações destinadas ao atendimento ao público.
A fotografia é de 1914.
                    Francisco Coelho Borges             Francisco Vieira Villela
Os Srs. Francisco Coelho Borges e Francisco Vieira Villela respectivamente gerente e subgerente da filial do Banco da Província em Pelotas. As fotografias são de 1914.
A Filial em Uruguaiana

Neste edifício foi inaugurada em 26 de agosto de 1911 a filial do Banco da Província em Uruguaiana.
Fotografia de 1915.
O espaçoso hall de entrada da filial de Uruguaiana.
Fotografia de 1915.
O Sr. Eugenio Rodrigues era o gerente da filial de Uruguiana no ano de 1916.

A Filial em Santana do Livramento
A duas fotografias acima mostram aspectos do edifício próprio ocupado pela filial do Banco da Província em Santana do Livramento. Esta filial iniciou suas atividades em 1910. 
Fotografia superior de 1920 e a inferior de 1915.
O espaçoso hall de entrada onde se encontravam os balcões para atendimento aos clientes.
Fotografia de 1915.
O gerente da filial em 1916 era o Sr. Pompeo Dias.
Os funcionários e o gerente da filial de Livramento em 1916.
 A Filial em Bagé
Fotografia do edifício ocupado pela filial do Banco da Província na cidade de Bagé em 1914 na época de sua inauguração que efetuou-se no dia 23 de março daquele ano.
Aspecto dos funcionários em expediente interno na filial de Bagé.
Fotografia de 1915.
O  Sr. Lourival Araújo foi o primeiro gerente da filial de Bagé.
Fotografia de 1914 
                 O Sr. Lourival Araújo, gerente da filial  e demais funcionários da mesma em 1915. O Sr. Lourival aparece sentado à direita na fotografia.
A Filial em Santa Maria
A filial de Santa Maria foi inaugurada em 28 de março de 1910 e desde aquela época ocupou o belo edifício mostrado na fotografia acima.
A fotografia é de 1913
Dois aspectos da parte interna da filial em Santa Maria. Na fotografia superios aparece o Hall de entrada e os balcões de atendimento so público.A fotografia inferior mostra os funcionários em expediente interno. 
Ambas as fotografias foram tomadas em 1915.
 O Sr. V Correa (E) gerente da filial em Santa Maria e seu escritório (D).
As fotografias são de 1914.
A Filial em Alegrete
A filial de Alegrete foi inaugurada em 15 de julho de 1911 neste edifício situado em uma esquina da  zona central da cidade de Alegrete.
Fotografia da época da inauguração.
A filial tinha sete funcionários além do Sr. Justo Leão que ocupava a gerencia.
Fotografia de 1915.
A Filial em Jaguarão
Aspecto dos balcões e caixas para atendimento ao público no interior da filial do Banco da Província em Jaguarão que foi inaugurada em 14 de março de 1912.
A fotografia é de 1914.
O gerente da filial  em 1916 era o Sr. Waldomiro Schilling (centro)que aparece ladeado pelos demais funcionários da agencia.
A Filial em Rio Grande
Este belíssimo edifício foi construído especialmente para ser a filial do Banco da Província na cidade de Rio Grande em 1891.

A Expansão para o Rio de Janeiro


Edifício de esquina ocupado pelo Banco da Província no centro da cidade do Rio de Janeiro. A fotografia é de 1910. A filial da  então capital da República foi inaugurada em 1908.
Fotografias tomadas no interior da agencia na parte referente aos balcões e caixas para atendimento aos clientes. As fotografias são de 1913.
Aspecto dos funcionários da filial em expediente interno. Fotografia de 1913.

O gerente (E) e o advogado e procurador  Dr. Raul Camargo (D). Ambos da filial do Rio de Janeiro.
Fotografias de 1915.


sexta-feira, 12 de agosto de 2011

A Arquitetura de Theo Wiederspahn em Porto Alegre

Fotografia de Otto Schönwald.
Fotografia de Theo Wiederspahn  aos 60 anos. 
Rudolf Ahrons (1869-1947) em fotografia de Virgilio Calegari em 1915

Fotografia de Virgilio Calegari
Neste edifício que ficava situado na esquina da Rua Uruguai com a Sete de Setembro Theo instalou seu escritório em 1916 quando começou a trabalhar como arquiteto independente.
Fotografia retirada do Livro "Theo Wiederspahn Arquiteto" de Günter Weimer, Ed. PUCRS-2009
O interior do escritório de Theo situado no prédio mostrado acima. Ele aparece ao fundo debruçado sobre a mesa.
Fotografia de Otto Schönwald
Sócios do Clube de Atiradores " Schützen-Verein" fotografados em frente ao busto de Bismarck que foi construído no terreno da sociedade que se localizava entre a Rua Dona Laura e a Mostardeiro no local onde hoje fica situada a Associação dos Caixeiros e Viajantes. Theo aparece marcado pelo asterístico vermelho e chegou a presidir a Sociedade em 1925.