Hospital Parque Belém

Hospital Parque Belém
Hospital Parque Belém - Vista da Parte Fronteira
Minha foto
Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brazil

quarta-feira, 1 de junho de 2011

A Maternidade Mario Totta

     O grande sonho do médico Mário Totta ( fotografia acima de 1937) era  criar uma maternidade na qual as mães podiam ter seus filhos sob condições de higiene e segurança. Além disso, a proteção aos recém nascidos abandonados passou a ser feita pela "Pupileira"um serviço dentro da própria maternidade que mantinha o sigilo e encaminhava as crianças para adoção quando possível. A Casa da Roda estava definitivamente encerrada.


     Nas fotografias acima, todas de 1940 quando da inauguração da maternidade, aspectos das instalações da enfermaria, berçário e sala cirúrgica. Mário Totta (1874-1947) pode viver para enxergar sua grande obra gerar os frutos esperados. Sem dúvida um benemérito

16 comentários:

  1. eu fui adotada nesse lugar!quero saber quem são meus pais!como?me ajudem!

    ResponderExcluir
  2. meu nome e silvia fui adotada ai na pupileira nasci em junho de 1970 meu primeiro nome antes da aDOÇAO ERA CLAUDIA ALEXANDRE E MINHA MAE BIOLOGICA E DIANES LESSICA ALEXANDRE ESTOU A PROCURA DAS MINHAS ORIGENS E SEI QUE TALVEZ COM ESSES POUCOS DADOS QUE TENHO VOCES POSSAM ME AJUDAR ENTRANDO EM UM ARQUIVO DA EPOCA PARECE QUE EU ENTREI AI PARA ADOÇAO DIA 01 07 1970 GOSTARIA QUE SE PUDESSEM ME AJUDAR FICAREI MUITO GRATA TALVEZ MINHA MAE TENHA ME DADO A LUZ AI NA MATERNIDADE MARIO TOTA MEU TELEFONE E 051 96 38 98 45 DESDE JA LHES AGRADEÇO E TORÇO PARA DAR CERTO E CONSEGUIR SILVIA

    ResponderExcluir
  3. Oi, nasci neste hospital, em 24 de setembro de 1972, às 22,30h, fui doada a uma boa família que me ama e me cuida até hoje, mas gostaria de encontrar minha mãe biológica. Como faço para conseguir os dados da internação dela? Obrigada.

    ResponderExcluir
  4. Oi Márcia!
    Tudo bem?
    Procura o Serviço de Documentação e Registro da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre que eles mantém todos os dados relativos às internações e nascimentos ocorridos na Maternidade Mário Totta ao longo de sua existência.
    Na época em questão (setembro de 1972) eu era residente na Santa Casa e como tal, acompanhei dezenas de nascimentos na maternidade. Sabe lá se por uma destas felizes coincidências para mim, não acompanhei teu nascimento?
    Fico feliz que tenhas encontrado uma família que te cuida e te ama. Isto é importante em nossas vidas. Mas encontrar tua mãe biológica vai ser muito legal e também poderá ser um feliz complemento em tua vida.
    Desejo sucesso em tua busca e felicidades para ti e para os teus carinhos.
    Grande beijo
    ronaldo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Sr,. Ronaldo vi que o senhor tem respondido algumas buscas e a minha nenhuma vez foi mencionada, caso o senhor tenha alguma coisa que possa me ajudar serei eternamente grata.

      Excluir
  5. A Princípio sempre tive essa data como sendo meu nascimento.
    Nasci no dia 04 de Janeiro de 1966 no antigo hospital Santa Clara hoje hospital Santa Casa em Porto Alegre.
    Na época a mãe biológica fazia acompanhamento do Pré-Natal no Antigo Posto de saúde modelo na rua Gerônimo de Ornelas número 55. Após uma das funcionárias do Posto de saúde ficar sabendo que a mãe biológica queria me dar para adoção, conversaram e ela foi levada para o Antigo Abrigo de... mães solteiras do Hospital Santa Clara.
    Lá ficou até a hora de dar a luz,foi então que eu nasci com 2.500Kg ás 8:20minutos de cor branca e do sexo feminino. Sei que logo em seguida fui levada por estás funcionária do antigo Posto de saúde modelo da rua Gerônimo de Ornelas e entregue aos meus pais adotivos.
    Essa descoberta de ser filha adotiva infelizmente não foi contada pelos meus pais adotivos onde nunca imaginei que eram, mas uma antiga empregada após 46 anos da minha existência dentro de um mercado. Maldade dessa empregada pois meus pais na qual sempre achei que eram já haviam falecidos. Jamais fiquei revoltada e sim apavorada com a verdade e da forma com me foi contada, na hora fiquei sem reação sem chão, apenas confirmei coma a cabeça e nem minha voz saia naquele momento. Após esse acontecimento sinto um enorme pesar em não poder dizer para meus pais adotivos o tamanho do orgulho que tenho por terem me amado tanto e eu ter sido escolhida por eles.
    Foi então conversando com meu filho resolvi fazer a minha busca de origem para saber se tenho irmãos.
    Entrei com a Minha Busca de Origem em 28 de Janeiro de 2011 no fórum central de Porto Alegre, a partir da data em que tive que desistir da busca , não por vontade minha mas por não ter mais dados que pudessem dar continuidade nessa busca.
    Nesse processo iniciaram com 50 nomes de mães que deram a luz no mesmo dia em que eu nasci, a partir dai foram realizados levantamentos de prováveis mães biológicas, mas a lista foi diminuindo. Destas 50 mães prováveis forma ficando 25, depois 10,depois 5 e por final ficaram apenas 3 nomes de prováveis mães biológicas.
    O Processo no qual entrei coma a Busca de Origem constam alguns nomes de prováveis mães biológicas. Caso alguém conheça alguma dessas pessoas favor entrar em contato pelo fone: (51)99632690.
    *Maria Sadonir Mendes ou Maria Sadonir Nunes.Residente na época nesse endereço,Santana em Porto Alegre,mas não foi localizada.
    *Sônia Rodriguês Engiácio.Residente no Menino Deus em Porto Alegre.
    *Tereza Camargo de Oliveira. Residente em Tapes.
    Surgiu mais um nome de provável mãe biológica:
    Alguns sobrenomes naquela época eram registrados de forma errada o que torna a busca mais difícil.
    Caso alguém conheça essas pessoas ou tenha algum telefone que eu possa entrar em contato agradeço.Hoje já nem sei mais se realmente minha data de nascimento é realmente 04 de janeiro de 1966.

    ResponderExcluir
  6. A Princípio sempre tive essa data como sendo meu nascimento.
    Nasci no dia 04 de Janeiro de 1966 no antigo hospital Santa Clara hoje hospital Santa Casa em Porto Alegre.
    Na época a mãe biológica fazia acompanhamento do Pré-Natal no Antigo Posto de saúde modelo na rua Gerônimo de Ornelas número 55. Após uma das funcionárias do Posto de saúde ficar sabendo que a mãe biológica queria me dar para adoção, conversaram e ela foi levada para o Antigo Abrigo de... mães solteiras do Hospital Santa Clara.
    Lá ficou até a hora de dar a luz,foi então que eu nasci com 2.500Kg ás 8:20minutos de cor branca e do sexo feminino. Sei que logo em seguida fui levada por estás funcionária do antigo Posto de saúde modelo da rua Gerônimo de Ornelas e entregue aos meus pais adotivos.
    Essa descoberta de ser filha adotiva infelizmente não foi contada pelos meus pais adotivos onde nunca imaginei que eram, mas uma antiga empregada após 46 anos da minha existência dentro de um mercado. Maldade dessa empregada pois meus pais na qual sempre achei que eram já haviam falecidos. Jamais fiquei revoltada e sim apavorada com a verdade e da forma com me foi contada, na hora fiquei sem reação sem chão, apenas confirmei coma a cabeça e nem minha voz saia naquele momento. Após esse acontecimento sinto um enorme pesar em não poder dizer para meus pais adotivos o tamanho do orgulho que tenho por terem me amado tanto e eu ter sido escolhida por eles.
    Foi então conversando com meu filho resolvi fazer a minha busca de origem para saber se tenho irmãos.
    Entrei com a Minha Busca de Origem em 28 de Janeiro de 2011 no fórum central de Porto Alegre, a partir da data em que tive que desistir da busca , não por vontade minha mas por não ter mais dados que pudessem dar continuidade nessa busca.
    Nesse processo iniciaram com 50 nomes de mães que deram a luz no mesmo dia em que eu nasci, a partir dai foram realizados levantamentos de prováveis mães biológicas, mas a lista foi diminuindo. Destas 50 mães prováveis forma ficando 25, depois 10,depois 5 e por final ficaram apenas 3 nomes de prováveis mães biológicas.
    O Processo no qual entrei coma a Busca de Origem constam alguns nomes de prováveis mães biológicas. Caso alguém conheça alguma dessas pessoas favor entrar em contato pelo fone: (51)99632690.
    *Maria Sadonir Mendes ou Maria Sadonir Nunes.Residente na época nesse endereço,Santana em Porto Alegre,mas não foi localizada.
    *Sônia Rodriguês Engiácio.Residente no Menino Deus em Porto Alegre.
    *Tereza Camargo de Oliveira. Residente em Tapes.
    Surgiu mais um nome de provável mãe biológica:
    Alguns sobrenomes naquela época eram registrados de forma errada o que torna a busca mais difícil.
    Caso alguém conheça essas pessoas ou tenha algum telefone que eu possa entrar em contato agradeço.Hoje já nem sei mais se realmente minha data de nascimento é realmente 04 de janeiro de 1966.

    ResponderExcluir
  7. Olá Ronaldo Marcos bastos meu nome é Leandro Humberto Zuse nasci neste hospital conforme Certidão de Nascimento Livro A/58 folhas 176 nº 36801 no Registro Civil das Pessoas Naturais da 2ª Zona do município de Canoas Niterói, sendo que data de nascimento é 18 de dezembro de 1973, lavrado em 18 de fevereiro de 1974 e reconhecido em 29 de julho de 1975 o estranho de tudo é que em 1996 casei e foi necessário uma Certidão Atualizada e nesta consta o nome dos meus pais (então adotivos) sendo declarante a Mãe sem seu nome, e também sem os nomes dos avós paternos e maternos. Tudo começou com uma simples desconfiança de adoção, mas como quando se entrava no assunto eles ficavam muito nervosos principalmente minha mãe, então em agosto de 2004 meu pai faleceu e novembro de 2012 minha mãe, ai veio a surpresa fui orientado procurar uma tia ainda viva que reside em Porto Alegre, pois ela saberia me contar tudo sobre minha vida. Ela conta que existiu um pacto entre os 4 o tio (falecido), pai e mãe (falecidos) e ela que somente poderia ser contato a verdade após a morte dos 2 e que ela ajudou na adoção mas não sabe me dizer quem é minha mãe Biológica somente que foi feito neste hospital porque minha mãe era empregada em uma residência de uma família muito rica e tradicional da cidade e que eu já tinha por volta de 1 ano de 8 meses e ela deveria escolher entre o serviço ou eu. Hoje moro em SC na cidade de Concórdia à 470 Km de Porto Alegre a quase 17 anos e gostaria de saber mais sobre minha vida, se minha mãe ainda esta viva, se tenho irmãos, até mesmo porque fui criado como filho único não tenho sentimento de IRMÃO não sei oque é ter isso. Fiz um contato com um advogado para entrar com um pedido a justiça para ter mais informações sobre meu prontuário, mas é muito caro, no cartório fui informado que posso solicitar uma Certidão de Inteiro Teor que poderia ter mais informações, mas também não o fiz ainda, se puder me ajudar ficarei muito grato meu e-mail é leandrozuse@hotmail.com desde já grato pela atenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sheyla Paiva Azambuja10 de novembro de 2016 17:54

      Oi Leandro li tua história e também estou na Busca de minha Origem . Quando dei início com a busca fui ao Fórum central de Porto Alegre com Juíza onde passei todos os dados que eu sabia. Depois de uns meses entraram em contato comigo com 120 páginas do meu processo com nomes, endereços, telefones de todas as mães que na época que nasci deram a luz esses dados foi realizado um levantamento com a equipe interproficional que teve acesso aos prontuários da época. Depois fui chamada pela assistente social Andrea Mantese Paul onde me passou o processo,onde de 50 nomes passaram para 25 , depois 10 e por final 5 prováveis mães biológicas. Tu não irá gastar nada é tudo gratuito. Espero que consigas eu ainda continuo na minha busca de origem. Boa sorte.

      Excluir
  8. Olá Ronaldo Marcos bastos meu nome é Leandro Humberto Zuse nasci neste hospital conforme Certidão de Nascimento Livro A/58 folhas 176 nº 36801 no Registro Civil das Pessoas Naturais da 2ª Zona do município de Canoas Niterói, sendo que data de nascimento é 18 de dezembro de 1973, lavrado em 18 de fevereiro de 1974 e reconhecido em 29 de julho de 1975 o estranho de tudo é que em 1996 casei e foi necessário uma Certidão Atualizada e nesta consta o nome dos meus pais (então adotivos) sendo declarante a Mãe sem seu nome, e também sem os nomes dos avós paternos e maternos. Tudo começou com uma simples desconfiança de adoção, mas como quando se entrava no assunto eles ficavam muito nervosos principalmente minha mãe, então em agosto de 2004 meu pai faleceu e novembro de 2012 minha mãe, ai veio a surpresa fui orientado procurar uma tia ainda viva que reside em Porto Alegre, pois ela saberia me contar tudo sobre minha vida. Ela conta que existiu um pacto entre os 4 o tio (falecido), pai e mãe (falecidos) e ela que somente poderia ser contato a verdade após a morte dos 2 e que ela ajudou na adoção mas não sabe me dizer quem é minha mãe Biológica somente que foi feito neste hospital porque minha mãe era empregada em uma residência de uma família muito rica e tradicional da cidade e que eu já tinha por volta de 1 ano de 8 meses e ela deveria escolher entre o serviço ou eu. Hoje moro em SC na cidade de Concórdia à 470 Km de Porto Alegre a quase 17 anos e gostaria de saber mais sobre minha vida, se minha mãe ainda esta viva, se tenho irmãos, até mesmo porque fui criado como filho único não tenho sentimento de IRMÃO não sei oque é ter isso. Fiz um contato com um advogado para entrar com um pedido a justiça para ter mais informações sobre meu prontuário, mas é muito caro, no cartório fui informado que posso solicitar uma Certidão de Inteiro Teor que poderia ter mais informações, mas também não o fiz ainda, se puder me ajudar ficarei muito grato meu e-mail é leandrozuse@hotmail.com desde já grato pela atenção.

    ResponderExcluir
  9. Olá Ronaldo! Meu nome é Fernanda,achei muito interessante essa informação sobre como eram feitas as adoções naquela época. Eu fui criada por uma família e registrada como filha legítima.Me foi informado que no ano de 74 quando nasci, existia um hospital na rua Vicente da Fontoura onde os casais pagavam o parto das crianças na qual as mães não podiam ficar, e levavam as crianças para casa.As mães ficavam no hospital até o momento do parto e os casais se inscreviam aguardando o nascimento.
    Saberia o sr.me informar que hospital era esse? Me disseram que o nome era Santa Ana.Mas desconfio que me informaram o hospital errado, acho que nasci neste da Santa Casa.

    ResponderExcluir
  10. á havia mencionado aqui sobre Minha Busca de Origem com alguns dados nas quais eu sabia.A Princípio sempre tive essa data como sendo meu nascimento.Nasci no dia 04 de Janeiro de 1966 no antigo hospital Santa Clara hoje hospital Santa Casa em Porto Alegre.Na época a mãe biológica fazia acompanhamento do Pré-Natal no Antigo Posto de saúde modelo na rua Gerônimo de Ornelas número 55. Após uma das funcionárias do Posto de saúde ficar sabendo que a mãe biológica queria me dar para adoção, conversaram e ela foi levada para o Antigo Abrigo de... mães solteiras do Hospital Santa Clara.Lá ficou até a hora de dar a luz,foi então que eu nasci com 2.500Kg ás 8:20minutos de cor branca e do sexo feminino. Sei que logo em seguida fui levada por estás funcionária do antigo Posto de saúde modelo da rua Gerônimo de Ornelas e entregue aos meus pais adotivos.Essa descoberta de ser filha adotiva infelizmente não foi contada pelos meus pais adotivos onde nunca imaginei que eram, mas uma antiga empregada após 46 anos da minha existência dentro de um mercado. Maldade dessa empregada pois meus pais na qual sempre achei que eram já haviam falecidos. Jamais fiquei revoltada e sim apavorada com a verdade e da forma com me foi contada, na hora fiquei sem reação sem chão, apenas confirmei coma a cabeça e nem minha voz saia naquele momento. Após esse acontecimento sinto um enorme pesar em não poder dizer para meus pais adotivos o tamanho do orgulho que tenho por terem me amado tanto e eu ter sido escolhida por eles.Foi então que resolvi fazer a minha busca de origem para saber se tenho irmãos.Entrei com a Minha Busca de Origem em 28 de Janeiro de 2011 no fórum central de Porto Alegre, a partir da data em que tive que desistir da busca , não por vontade minha mas por não ter mais dados que pudessem dar continuidade nessa busca.Nesse processo iniciaram com 50 nomes de mães que deram a luz no mesmo dia em que eu nasci, a partir dai foram realizados levantamentos de prováveis mães biológicas, mas a lista foi diminuindo. Destas 50 mães prováveis forma ficando 25, depois 10,depois 5 e por final ficaram apenas 3 nomes de prováveis mães biológicas.O Processo no qual entrei coma a Busca de Origem constam alguns nomes de prováveis mães biológicas.
    Alguns sobrenomes naquela época eram registrados de forma errada o que torna a busca mais difícil.Não irei desistir dessa minha busca de Origem! Mas fiquei sabendo de novos dados no dia 14/03/2016 que só me levam a ficar cada vez mais confusa.
    Onde fiquei sabendo que a mãe biológica era secretária de um Médico em Porto Alegre e engravidou dele.Mas ele não queria assumir , foi então que ela após dar a luz me deixou no Antigo Hospital Santa Clara para adoção, onde então após 19 horas de vida fui adotada pelos meu pais.Passado essas horas o Médico decidiu que iria ajudar a mãe Biológica a criar a filha que tiveram, e mandando a mãe biológica retornar ao Hospital e me pegar. Chegando lá eu já havia sido adotada, mas ela por não ter me visto ao nascer e nem ao menos sem saber como eu era levou outra menina como se fosse a filha biológica.Sendo assim ambos criaram uma filha como sendo a filha verdadeira tornando muito mais difícil essa minha busca de origem por não saber quem eles são e nem eles saberem da minha existência. Mas ainda não irei desistir.

    ResponderExcluir
  11. Gostaria muito que alguém respondesse as minhas postagens, tenho olhado e a maioria das postagens alguém sempre responde mesmo que não ajude muito.Estranho essa atitude de não darem resposta.

    ResponderExcluir
  12. Gostaria muito que alguém respondesse as minhas postagens, tenho olhado e a maioria das postagens alguém sempre responde mesmo que não ajude muito.Estranho essa atitude de não darem resposta.

    ResponderExcluir
  13. Gostaria muito que alguém respondesse as minhas postagens, tenho olhado e a maioria das postagens alguém sempre responde mesmo que não ajude muito.Estranho essa atitude de não darem resposta.

    ResponderExcluir
  14. Meu marido foi adotado não sabe a sua origem quem adotou foi yara noemia campos 15 de setembro 1970 porto alegre ele ia se chamar Alexandre agora é Márcio se alguém poder me ajudar uns dissem que era uma guria nova tinha uma menina de 2 aninhos ela ia colocar para adotarem e ele nasceu e yara trouxe pra criar contam que ela morava jardim das palmeiras porto alegre e o nome poderia ser santinha

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário e e-mail!