VARIG - 90 anos

VARIG - 90 anos
Vista Aérea do Colégio Rosário e Arredores - 1949
Minha foto
Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brazil

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

A Escola Médico - Cirúrgica de Porto Alegre

Alguns Fundadores e Docentes da Faculdade de Medicina Homeopática do RGS
Manoel de Faria Correa foi um dos quatro médicos fundadores da Faculdade de Medicina Homeopática do Rio Grande do Sul. Participou também como docente até o fechamento da mesma em 1918.
O Dr. Egydio Barboza de Oliveira Itaquy participou como docente da faculdade logo após a sua fundação. Não era médico e sim advogado. Não conseguimos apurar  se chegou a lecionar na faculdade. Figura importante da sociedade, foi deputado provincial em 1863 e 1883. Era progenitor do conhecido engenheiro e arquiteto Manoel Barboza de Assumpção Itaquy construtor de vários prédios do antigo Campus da UFRGS.
Um dos maiores genios gaúchos foi sem dúvida Roberto Landell de Moura. Nasceu em Porto Alegre em 1861 e faleceu aqui mesmo em 1928. Suas experiencias em transmissão da voz humana são anteriores as de Marconi sendo por essa razão considerado o "pai do rádio". Entre as áreas de conhecimento que dominava estava a Homeopatia sendo, por isso, um dos fundadores e primeiros docentes da Faculdade de Medicina Homeopática.
Irmão mais moço de Roberto, João Landell de Moura formou-se em Medicina pela Fac. de Med. de Porto Alegre na primeira turma em 1904. Foi um dos primeiros docentes da Fac. Homeopática e fez parte do grupo que fundou a Escola Médico-Cirúrgica em 1915

Primeira Sede da Escola Médico-Cirúrgica de Porto Alegre

A primeira sede da Médico-Cirúrgica ficava situada na Rua General Vitorino nº 45 (posteriormente o numero mudou para 151). O prédio era próprio e ficava do lado direito de quem sobe a rua em direção a Santa Casa, na quadra entre a Vigário José Inácio e a Dr. Flores. A Faculdade funcionou neste prédio até 1939.
Os ambulatórios da policlínica funcionavam na Travessa 2 de fevereiro nº 18 e 18A ( atual Avenida Senador Salgado Filho) em uma casa térrea situada no mesmo terreno só que com a frente voltada para a rua paralela.Com a mudança de numeração das ruas, o número mudou para 226 e 234. A fotografia é de 1930 e a casa está assinalada pela seta vermelha.

Alguns Fundadores e Docentes da Escola Médico-Cirúrgica

Dr. Antenor Granja de Abreu foi um dos fundadores da Escola e também seu primeiro diretor tendo exercido o cargo de secretário em 1920. Cursou a Faculdade de Medicina de Porto Alegre até o 3º ano e após, foi para o Rio de Janeiro e lá concluiu seu curso médico em 1910. Sua especialidade era Pediatria.
O Dr. Estevão Junot Barreiro foi o primeiro Vice-diretor da Escola e assumiu a direção em 1920. Formou-se pela Faculdade de Medicina de Porto Alegre em 1913 e sua tese de doutoramento foi sobre um assunto pouco abordado na época "Tatuagem e Destatuagem".
OBS: Tenho um exemplar da tese em questão. Posso fornecer uma cópia eletronica aos interessados
O Dr. Virginio Martins foi o primeiro tesoureiro da escola e exerceu este cargo por muitos anos. Lecionou Química Organica e Inorganica, disciplina importante como base para a Homeopatia,  desde os primeiros anos da Médico-Cirúrgica.
O Dr. Antonio Affonso de Figueiredo nasceu em Jaguarão no ano de 1883 e formou-se pela Faculdade de Medicina de Porto Alegre  em 1912. Era um dos médicos mais conceituados da cidade na época tendo se especializado em Ginecologia, Obstetrícia  e Sifiligrafia (tratamento da Sífilis).
O Dr. Adalgiso Ferreira e Souza era alagoano de nascimento (01.04.1889). Formou-se em medicina pela Faculdade de Medicina da Bahia em 1912. Especializou-se em Oftalmo-otorrino-laringologia ( antiga especialidade que abrangia os olhos os ouvidos o nariz e a garganta). Além de fundador, ministrou aulas na Médico-Cirúrgica em sua especialidade até 1918 quando mudou-se para Livramento onde fixou residencia.
O Dr. Vicente Pereira assumiu a docencia em 1918 na Oftalmo-otorrino-laringologia em substituição ao Dr. Adalgiso Ferreira e Souza que transferiu-se para Livramento. Exerceu o cargo de Vice-diretor da escola em 1922.
Dr. Gabriel Pastor formou-se pela Faculdade de Medicina de Porto Alegre em 1914. Especializou-se em Fisioterapia e Eletricidade Médica na Clínica Beclére em Paris. A partir de 1920 exerceu a docencia na Médico-Cirúrgica na disciplina de Clínica Propedeutica e Eletricidade Médica.
O Dr. Jacy Tupy Caldas exerceu a docencia na disciplina de Física Médica.
Fotografia de 1940

A Eletricidade Médica

As duas fotografia acima mostram o serviço de Fisioterapia e Eletricidade Médica do Dr. Gabriel Pastor. O ensino de Eletricidade Médica (atual Fisioterapia) era contemplado no currículo da Médico-Cirúrgica.

A Última Sede e o Projeto do Hospital

Este edifício, situado na esquina das Ruas Duque de Caxias e General Portinho foi a sede da Escola Médico-Cirúrgica de 1939 até seu fechamento na década seguinte. Ainda preservado, serve hoje a Justiça Militar.
Fotografia de 1940
As duas fotografias acima mostram partes do interior do prédio em 1940
Projeto arquitetonico  do que seria o hospital da Médico-Cirúrgica em Porto Alegre. A faculdade fechou antes que o projeto saísse do papel.

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Os Primórdios do Remo em Porto Alegre

Ruder Club Porto Alegre - O Primeiro Clube de Remo do Brasil
Sede do Ruder Club Porto Alegre no Cais da Alfandega.
Fotografia de Virgilio Calegari em 1905.
 
Guarnição do Porto Alegre no Cais da Alfandega tendo ao fundo a sede do clube.
Fotografia de Virgilio Calegari em 1905.
 
Guarnição do Ruder Porto Alegre que venceu o clássico "Wanderpreiss" em 1899. A partir da esquerda: Fritz Jaeger, Arthur Mundt, Gustavo Woebke, Alexandre Bleckmann e o timoneiro Otto Zeschky. A fotografia ainda mostra as escadarias do velho Cais da Alfandega ao fundo.
    
A galeria de troféus do Clube de Regatas Guaíba Porto Alegre (GPA) quando da fusão entre o Clube de Regatas Porto Alegre e o Clube de Regatas Guaíba em 1936.
Alberto Bins foi o fundador do primeiro clube de remo em Porto Alegre e foi o grande incentivador do esporte em nossa cidade.O Parque Náutico da cidade tem o seu nome. 

O Ruder Verein Germania

Sede do Germania na Voluntários da Pátria próxima do alinhamento da Senhor dos Passos.
Fotografia de 1900.
Guarnição de quatro com timoneiro do Germania e vencedora da primeira regata realizada em Porto Alegre.
Fotografia de 24 de novembro de 1895.
Quatro com timoneiro do Germania campeã em 1918. A partir da esquerda em pé: Hugo Teichmann e Oscar Teichmann Sobrinho. Sentados: Artur Fortes, Arnaldo Gaelzer e o timoneiro Urbano Ventura.

A Ruder Verein Freundschaft

Esta foi a primeira sede náutica da Ruder Verein Freundschaft que ficava situada na Voluntários da Pátria. Pela inscrição na parte superior, observa-se que já tinha adotado a denominação de Gremio Náutico União.
Placa existente na primeira sede com as iniciais do clube e o ano de fundação.
Placa existente na sede quando da transformação para Gremio Náutico União. O ano de fundação ficou sendo 1906.
Uma guarnição de quatro com timoneiro do União em 1921.
Oito com timoneiro do GNU campeã brasileira e sulamericana de 1935. A partir da esquerda: o timoneiro Arno Ely, Máximo Fava, Brutus P. Nessi, Alfredo de Boer, Lauro Franzen, Henrique Kranen Filho, Ernesto Sauter, Helmut Glimm e Oscar B. dos Santos.

Antiga sede do GNU na Ilha do Pavão e que foi destruída por um incendio na noite do dia 12 de novembro de 1978.
Distintivo do Gremio Náutico União.

Clube de Regatas Almirante Tamandaré

Remadores do Tamandaré posam nesta raríssima fotografia tomada no terreno da Capitania dos Portos de Porto Alegre que ficava situado na Rua Gal. Portinho. O barco que aparece na foto foi o primeiro a ser adquirido pelo clube em 1903.
Estas duas fotografias mostram a sede construída pelo Tamandaré  na Voluntários da Pátria. O projeto foi do arquiteto Theo Wiederspahn em 1916.
As fotografias são da época da inauguração em 1917.
Guarnição de quatro com timoneiro do Tamandaré em 1921.

Clube de Regatas Almirante Barroso

Primeira diretoria do Clube de Regatas Almirante Barroso em 1905. Em pé, no centro da fotografia aparece o 1º Presidente Pedro Adams.
Primeira guarnição de quatro com timoneiro do Barroso.
Fotografia de 1907
As duas fotografias acima mostram a sede do Barroso na Ilha do Pavão e que foi destruída pelo fogo em 1940.
Fotografias de 1912.
Quatro com timoneiro. 
Fotografia de 1921
Quatro com timoneiro, campeões em 1933 e 1935. A partir da esquerda: o timoneiro Frederico Heit, Alfredo de Boer, Domingos Fava, Arno Colin e Oscar B. dos Santos.

O Canottieri Ducca Degli Abbruzzi

Fotografia da sede própria do Canottieri Ducca Degli Abruzzi situada na Voluntários da Pátria nº 3060.
Fotografia de 1938
Uma guarnição do Canottieri em 1921.
Quatro com timoneiro campeã em 1939. A partir da esquerda: o timoneiro Edmundo Deuner, Lauro Heberle, Arnaldo Heberle, Carlos Chiapetti e Guilherme Schwarz.

Clube de Regatas Vasco da Gama

Foi no salão de festas da antiga Confeitaria Rocco na Rua Riachuelo que reuniram-se os membros da colonia lusa em Porto Alegre para fundar o Clube de Regatas Vasco da Gama.
Fotografia de Hugo Freyler - 1920
Fotografia da sede própria do Clube de Regatas Vasco da Gama situada no bairro Navegantes.
Fotografia de 1936.
Uma das guarnições do Vasco da Gama em 1921
Guarnição de quatro sem timoneiro campeã em 1939. A partir da esquerda: Osvaldo Silveira, Manoel Silveira, Lourival Silveira e Joaquim Silveira Filho.